| HOME PAGE | BASILICA MARIA AUSILIATRICE | SAN GIOVANNI BOSCO | CAPPELLA PINARDI |
| S. FRANCESCO DI SALES | CAMERETTE DON BOSCO | A.D.M.A. | RIVISTA MARIA A. | C. S. D. M. | INFO VALDOCCO |

 IGREJA DE S. FRANCISCO DE SALES

A Capela Pinardi, em seis anos de honrado serviço, tinha-se tornado demasiado pequena para todos os rapazes que vinham ao Oratório.

A colocação da primeira pedra de uma nova igreja dedicada a S. Francisdo de Sales foi a 20 de Julho de 1851.

Foi consagrada a 20 de Junho de 1852. Durante 16 anos (até 1868) foi o coração da congregação que nascia.

De 1852 a 1856 encontramos a rezar o terço, nos bancos do fundo, a velha e cansada Mãe Margarida.

Em 1854 houve em Turim uma grande epidemia de cólera que nmatou mais de 3000 pessoas.

Um rapaz, que já não tinha mais nada com que cobrir os seus doentes, pede qualquer coisa a Margarida. Ela trouxe-o a esta igreja e deu-lhe a toalha do altar:

"Leva-a ao teu doente.
Não creio que o Senhor se queixe".

A 8 de Dezembro de 1853, Domingos Savio entrou nesta igreja, ajoelhou-se deiante do altar da Imaculada e consagrou-se a ela com esta brevissima oração (que durante muito tempo os jovens dos salesianos aprenderam de cor e fizeram sua):

 "Maria, dou-vos o meu coração, fazei que eu seja sempre vosso.
Jesus e Maria, sede sempre os meus amigos, mas por favor, fazei-me morrer antes que aconteça a desgraça de cometer um só pecado".

O altar de Nossa Senhora, junto do qual Domingos Savio se consagrou a ela e o quadro que recorda a fundação da Companhia da Imaculada a 8 de Dezembro de 1854.

Dois anos deposi, Domingos Savio voltou a ajoelhar-se neste altar, não já sozinho, mas na companhia dos melhores rapazes do Oratório. Tinha fundado a "Companhia da Imaculatada".

Perguntara-se:

"Porque é que havemos de fazer o bem sozinhos? Porque não nos unimos, numa sociedade secreta, para sermos um pequeno grupo de apóstolos entre os colegas?"

Dom Bosco aprovou a ideia. Domingos não sabia que só lhe restavam 9 meses de vida. Ma tinha feito a sua obra-prima.

Aqueles "primeiros fundadores" tornar-se-iam Salesianos.

A companmhia espalhou-se por todas as casas salesianas por mais de 100 anos, tornando-se por todo o lado um grupo de rapazes empenhados e de seguras vocações.

Nesta mesma igreja, atrás do altar-mor, Domingos Savio teve um êxtase diante do sacrário que durou mais de seis horas.

Miguel Rua disse nesta igreja a sua primiera missa em 1860.

D. Miguel Rua, um dos Salesianos da primeira hora (26 Janeiro 1854), celebrou a sua primeira Missa nesta Igreja em 1860 assistido pelo próprio D. Bosco. Tinha nascido ali perto em Turim-Valdocco a poucas centenas de metros.

Aos oito anos a Providência fê-lo encontrar com D. Bosco de quem tinha ouvido falar. Aquele encontro marcou para sempre a sua vida. Logo que o sacerdote, pediu-lhe um santinho.

D. Bosco adivinhando o futuro daquela criança e o elo que o ligaria a si mesmo, fez o gesto de cortar a sua mão e disse-lhe:

"Toma, Miguelito, toma: nós os dois faremos tudo a meias".

Naquele momento Miguel não entendeu nada, mas depois foi percebendo à medida que passavam os anos junto ao Santo dos jovens, trabalhando com ele para eles.
D. Bosco não se enganou na sua intuição: Desde aquele momento Miguel Rua permanecerá para sempre com ele e será o seu mais fiel e genial colaborador sucedendo-lhe na orientação dos Salesianos por designação do próprio fundador. Foi um grande e fiel imitador de D. Bosco em tudo, até mesmo na santidade.
O papa Paulo VI beatificou-o a 29 de Outubro de 1972.




| HOME PAGE | BASILICA MARIA A. | SAN GIOVANNI BOSCO | CAPPELLA PINARDI |
| S. FRANCESCO DI SALES | CAMERETTE | A.D.M.A. | RIVISTA MARIA A. | C. S. D. M. | INFO VALDOCCO |



       
Visita  Nr.